Please reload

Posts Recentes

Mulheres com Câncer de Mama

May 9, 2017

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

Mulheres com Câncer de Mama

 

O câncer da mama é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo, tanto em países de capitalismo periférico quanto em países de capitalismo central . Dados revelam, ainda, que é a principal causa de morte por câncer em mulheres.

 

No caso do Brasil, os Registros de Câncer de Base Populacional (RCBP) indicam que, entre os anos de 2000 e 2008, 46,2% dos tumores malignos de mama, diagnosticados no país, estavam em estadiamento avançado (estádios III e IV)3 . Pode-se atribuir esses dados, além da história natural da doença, à baixa capacidade do Sistema de Saúde para diagnosticar a doença em estádio inicial, limitando as propostas de tratamento e, portanto, as possibilidades de cura da enfermidade.

 

Em relação ao câncer de mama, atualmente as modalidades terapêuticas são indicadas de acordo com aspectos biológicos e determinadas características específicas de cada usuária, como idade, presença ou não de comorbidades e preferências; mas, principalmente, considerando o estadiamento do tumor. O estadiamento é definido usando como parâmetro a classificação de tumores criada pela União Internacional Contra o Câncer (UICC) e pauta-se no fato de que os tumores seguem um curso biológico comum. Nessa avaliação, são levados em consideração os seguintes critérios: dimensão do tumor (T), extensão da doença aos linfonodos (N) e a presença ou não de metástases a distancia .

 

Em casos de doença em estádios I e II, utiliza-se a cirurgia como modalidade terapêutica inicial. O procedimento cirúrgico pode ser conservador, ressecando apenas o tumor, ou a mastectomia, em que se realiza a retirada parcial (simples) ou total (radical) da mama. Para fins de conhecimento do prognóstico e definição terapêutica, são avaliados os linfonodos axilares quanto à presença de doença. Posteriormente à cirurgia, caso seja avaliado risco elevado de recorrência, o tratamento pode ser complementado com radioterapia, quimioterapia e/ ou hormonioterapia .

 

O estádio III enquadra os tumores maiores, localmente avançados e os casos em que há extenso comprometimento de linfonodos, sempre com a ausência de metástases a distância. Os tumores em estadiamento III são classificados em operáveis e inoperáveis. Quando o tumor é operável, a primeira terapêutica utilizada é a cirurgia. Nos casos de tumores inoperáveis, a quimioterapia neoadjuvante é proposta como tratamento inicial, na tentativa de redução do tumor e de torná-lo operável. Quando há resposta positiva, o tratamento passa a ser local, através da cirurgia. Na existência de metástases a distância, considera-se o estadiamento como IV. Nesse estádio, a definição terapêutica deve ter como base a possibilidade de o tumor responder ao tratamento e o aumento da sobrevida .

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

©  2017 @ Pró-Onco Mulher

Rua da Conceição, 188 / Sala 704 - Niterói, RJ 24020-087

Tel: (21) 2622-7279 | (21) 2719-2967